Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nação valente, ao sul

Odeleite Cabeça do dragão azul

Nação valente, ao sul

Odeleite Cabeça do dragão azul

Hoje, no Expresso, (reproduzido em Câmara Corporativa) Miguel Sousa Tavares, publica com a frontalidade que se lhe conhece, um texto intitulado "O estado do Estado de Direito". Tendo como paradigma a questão da prisão preventiva de Sócrates e de Carlos Santos Silva, sem qualquer enquadramento com os pressupostos legais de tal tipo de prisão, desmonta com rigor jurídico a sua legalidade. Conclui que estamos (...)
17 Jan, 2015

A preto e branco

O governo é daltónico. Se não é, imita muito bem. O teste das cores não engana. Logo após a posse pintou o país a preto e branco. Ou dito de outra forma em bom e mau. O passado era mau e o seu presente era bom. O primeiro era despesismo o segundo era poupança. Os velhos são cigarras, os novos são formigas.Para abreviar, depois veio o banco bom e o banco mau e agora, pasme-se, há sindicato bom e sindicato mau. Pormenorizando, os sindicalizados dos sindicatos que renunciaram à (...)
 Aqui neste exílio dourado, neste ostracismo assumido tenho procurado esquecer-te, apesar da ratoeira que me armaste. Mas para a minha imagem,  estiveste divinal. Caíste na esparrela que um dia me armaste. Puseste a nua tua verdadeira face, aquela faceta mesquinha da alma nacional, que vive recalcada no mais fundo de nós.  Com a manha do caçador furtivo esperaste pacientemente pela tua presa. Eu sei que foram anos meses e dias de sofrimento. Longas noites de insónia. Depressões (...)
      Olhai para as aves do céu, que nem semeiam, nem segam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais valor do que elas?   Novo Testamento, Mateus, 6-26.     Há vida para além, do insulto soez, da mesquinhice, do ataque traiçoeiro. Tenho a honra de poder ouvir as cantorias de um merlo que generosamente habita uma árvore na minha rua. O seu trinado transmite-me paz, tranquilidade e a alegria pura das coisas simples. Em dia (...)
  DO BLOGUE DEFENDER O QUADRADO     campanha do ódio   Quase em jeito de balanço desta campanha chego à conclusão que o único motivo que esteve subjacente à convocação de eleições legislativas antecipadas foi não só, nem principalmente, a ambição de poder por parte da direita, mas o afastamento quase compulsivo de José Sócrates.   Com disse Manuela Ferreira Leite, Sócrates (...)