Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Nação valente, ao sul

Odeleite Cabeça do dragão azul

Nação valente, ao sul

Odeleite Cabeça do dragão azul

Este governo, salvaguardadas as devidas diferenças, faz-me lembrar o partido NAZI de Hitler. Aproveitou  o desencantamento com algumas medidas do governo anterior para chegar ao poder. Com muita demagogia ganhou as eleições. Fez o contrário daquilo que tinha prometido. Enfim é o costume. Mas o mais grave é que trazia no seu ADN as sementes de um poder absoluto. Com uma maioria parlamentar absoluta, com um Presidente  da República da sua área política, com um comportamento titubeante e a denotar algum esclerosismo, governa a seu bel-prazer.

 

Por outro lado, com um PCP que na sua atitude, meramente contestatária, acaba por ser um aliado objectivo da direita e com um PS entregue a personagens mediocres, não tem oposição política eficaz. Resta um sindicalismo cristalizado em atitudes do século passado, sem capacidade de mobilização para uma luta consequente dá-se ao luxo de tratar os trabalhadores, conformados, abaixo de cão vadio.

 

De facto a este governo, para ter poder absoluto só lhe falta um bocadinho. Um bocadinho que eles pensavam , também, ter no bolso. Daí governarem como se não existisse Constituição, ou seja sem balizas legais. É esse bocadinho, denominado Tribunal Constitucional que está a travar o seu projecto de poder totalitário. Não fora haver neste órgão cidadãos respeitadores da lei (alguns da área do governo) e a impunidade era total. Compreende-se a sua sanha contra estes magistrados. Compreende-se os ataques a raiar a boçalidade. Os tiques totalitários já não são disfarçáveis. Compreendo, pois estiveram tão perto. Faltou um bocadinho de nada. Mas faz toda a diferença. A diferença entre a liberdade e opressão.

 

MG

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.