Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Nação valente, ao sul

Odeleite Cabeça do dragão azul

Nação valente, ao sul

Odeleite Cabeça do dragão azul

Capitães do meu país

Soldados da minha terra

Viram o povo infeliz

E com paz fizeram guerra.

 

No alvor da madrugada

Acordaram a cidade

E sem nunca pedir nada

Ofereceram liberdade.

 

No força que idealizaram

Esperança de mil cores

Quando as armas dispararam

Delas saíram flores.

 

E no seio da revolução

Nasceu uma democracia

 E com ela a convicção

Que é real a utopia.

 

E quem nunca viu Abril

Nem sabe a revolução

Urdiu artimanhas mil

Subjugou a nação.

 

É tempo de ir para a guerra

E levantar a cerviz

Ó gentes da minha terra

Capitães do meu país.

1 comentário

Comentar post