Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O ano da morte de Fernando Pessoa

por Naçao Valente, em 30.11.10

«Fernando Pessoa em flagrante delitro»: dedicatória na fotografia que ofereceu à namorada Ophélia Queiroz em 1929. Um poeta com sentido de humor.

 

O ano da morte de Fernando Pessoa foi 1935 no dia 30 de Novembro. O poeta passou pela vida de forma discreta, mas a sua obra libertou-o da lei da morte: o esquecimento. Inteligência rara e criativa, pensador livre e descomprometido, desdobrou-se em múltiplas personalidades para dar corpo a um  imenso caudal reflexivo. Escrevia por prazer e com prazer, mesmo quando expressava a sua verdadeira dor. O seu pensamento disperso por uma vasta obra poética é hoje um legado importante para a humanidade. Cidadão português do mundo, merecia ser mais divulgado e conhecido pelos seus compatriotas. A casa Fernando Pessoa que hoje completa 17 anos vai-lhe prestar justa homenagem, entre outras actividades, com a passagem do Filme do Desassossego. Aqui deixamos o nosso modesto contributo, recordando um dos seus poemas com assinatura de Alberto Caeiro e uma interpretação musicada de "Há uma música do povo" na bela voz de Mariza:

 

 

Text document with red question mark.svg

Se depois de eu morrer, quiserem escrever a minha biografia,
Não há nada mais simples
Tem só duas datas — a da minha nascença e a da minha morte.
Entre uma e outra todos os dias são meus.

Sou fácil de definir.
Vi como um danado.
Amei as coisas sem sentimento nenhum.
Nunca tive um desejo que não pudesse realizar, porque nunca ceguei.
Mesmo ouvir nunca foi para mim senão um acompanhamento de ver.
Compreendi que as coisas são reais e todas diferentes umas das outras;
Compreendi isto com os olhos, nunca com o pensamento.
Compreender isto com o pensamento seria achá-las todas iguais.

Um dia deu-me o sono como a qualquer criança.
Fechei os olhos e dormi.
Além disso, fui o unico poeta da Natureza.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:15


4 comentários

Imagem de perfil

De Bete do Intercambiando a 30.11.2010 às 22:22

No Brasil, Fernando Pessoa é muito querido e muito citado nas escolas!...Mas, é sempre assim, infelizmente: Santo da terra não faz milagres!...
Parabéns pelo destaque no Sapo!
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 01.12.2010 às 23:47

A minha pátria é a língua portuguesa, disse Pessoa. Neste sentido também é um cidadão do Brasil. Isso aliado ao facto de ser mestre da arte de bem escrever, justifica o destaque que lhe é atribuído. Agradeço e retribuo os parabéns.

MG
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 01.12.2010 às 14:24

Fez ontem, dia 30 de Novembro 55 anos de morte de Pessoa. É sempre bom recordar este grande poeta :)
Imagem de perfil

De Naçao Valente a 01.12.2010 às 23:51


A melhor forma de recordar pessoa é ler a sua obra. Obrigado pelo comentário.

MG

Comentar post





Comentários recentes