Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Nação valente, ao sul

Odeleite Cabeça do dragão azul

Nação valente, ao sul

Odeleite Cabeça do dragão azul

O ministro da (des) educação tem exercido o seu mandato como liquidador do ensino público. Não se lhe conhece qualquer teoria sobre educação nem nenhum visão estratégica sobre o sistema de ensino. Governa à maneira talibã com medidas avulsas desgarradas e sem coerência. Vai cumprindo paulatinamente a missão de destruir a escola pública. Mas a sua medida mais caricata é a avaliação de docentes com anos de serviço através de um exame de contornos indefinidos.

Tenho algum conhecimento de causa. A profissão docente é muito complexa. Um professor começa por fazer a sua formação científica numa Universidade que a credita. Depois faz a formação pedagógica em serviço ou também a nível universitário. Tem de ser creditado novamente. Ao longo da sua carreira faz constantes cursos de actualização. O resto é experiência no âmbito de uma sala de aula perante cerca de trinta alunos, muitas vezes indisciplinadas e com pouca vontade de aprender. Para além disto tem de lidar com a pressão dos encarregados de educação sempre disponíveis para responsabilizar os docentes pelo insucesso escolar. Para resistir é preciso muitas vezes uma forte personalidade. Haverá melhor avaliação que esta? Como se avalia um profissional com anos de serviço, numa prova de uma ou duas horas? E avalia-se da mesma forma um professor de matemática e um de português? Das duas uma: ou esta prova é para "inglês ver" ou é utilizada como pretexto para despedir à margem da Lei. Digo convictamente:  quem devia ser avaliado em primeiro lugar era o ministro. Duvido que passasse na avaliação para a função que exerce.

 

MG

 

PS :Os docentes que combateram com êxito Maria de Lurdes Rodrigues, por muito menos, onde estão?

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.