Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Comentários recentes

  • Ametista

    Escapou-me dizer o quanto gostei do poema. Ternure...

  • Ametista

    Também tive muito gosto em visitá-lo... mas sabe q...

  • Naçao Valente

    Muito Obrigado. Desejo-lhe, em dobro, triplo...tud...

  • Ametista

    Passei para lhe deixar um abraço e o desejo de um ...

  • Partebilhas

    Gostei deste seu texto.Muito bem observado. Na rea...





Mãe

por Naçao Valente, em 01.05.16

Quando te conheci tu eras,

quando te queria tu estavas,

presente na minha ausência

se a vida nos separava.

Para sentir teu calor

de ausências sempre voltava,

mas um dia, vê tu bem,

eu cheguei e tu não estavas,

procurei-te e tu não eras

e percebi que me amavas.

Tantas coisas por dizer,

tanto carinho esquecido

e nesse lugar distante

onde não te posso ver,

sinto mãe que já soubestes

o que ficou por fazer

e que sem me dizeres nada

tu me estás a proteger!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:50





Comentários recentes

  • Ametista

    Escapou-me dizer o quanto gostei do poema. Ternure...

  • Ametista

    Também tive muito gosto em visitá-lo... mas sabe q...

  • Naçao Valente

    Muito Obrigado. Desejo-lhe, em dobro, triplo...tud...

  • Ametista

    Passei para lhe deixar um abraço e o desejo de um ...

  • Partebilhas

    Gostei deste seu texto.Muito bem observado. Na rea...