Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Comentários recentes

  • Partebilhas

    Gostei deste seu texto.Muito bem observado. Na rea...

  • Naçao Valente

    Que não seja uma roletae que haja muita alegriaum ...

  • poetazarolho

    Vem aí um ano novoVelho já no conteúdoPara ilusão ...

  • Kruzes Kanhoto

    Presidente da Republica é um cargo decorativo. Ser...

  • simplesmente avô

    Talvez seja preferível "cem anos de solidão" a cem...





Gato escondido

por Naçao Valente, em 05.11.15

Fala do Homem Nascido

(Chega à boca da cena, e diz:)

Venho da terra assombrada,
do ventre de minha mãe;
não pretendo roubar nada
nem fazer mal a ninguém.

Só quero o que me é devido
por me trazerem aqui,
que eu nem sequer fui ouvido
no acto de que nasci.

Trago boca para comer
e olhos para desejar.
Com licença, quero passar,
tenho pressa de viver.
Com licença! Com licença!
Que a vida é água a correr.
Venho do fundo do tempo;
não tenho tempo a perder.

Minha barca aparelhada
solta o pano rumo ao norte;
meu desejo é passaporte
para a fronteira fechada.
Não há ventos que não prestem
nem marés que não convenham,
nem forças que me molestem,
correntes que me detenham.

Quero eu e a Natureza,
que a Natureza sou eu,
e as forças da Natureza
nunca ninguém as venceu.

Com licença! Com licença!
Que a barca se fez ao mar.
Não há poder que me vença.
Mesmo morto hei-de passar.
Com licença! Com licença!
Com rumo à estrela polar.

António Gedeão, in 'Teatro do Mundo'

 

Ontem fomos surpreendidos por um grupo de gente que, vinda não se sabe de onde, quer salvar o país. Mas sabemos que não vêm roubar nada. Pudera está tudo roubado. Tudo tudo é exagero. Ainda faltam umas coisinhas. Daí que os jovens turcos queiram ajudar a roubar o resto para não haver mais tentações.

E como não foram ouvidos querem-se fazer ouvir. Cortaram-lhe o cordão umbilical e eles pretendem voltar a uni-lo. Ai está. Vamos ligar a sede do PS à sede do PSD e do CDS. E tem que ser agora, não há tempo a perder, senão ainda chega a malfadada maioria de esquerda, para nos tirar a comida. Temos boca para comer.

Somos todos marinheiros. Rememos contra a maré. Nada nos pode deter para parar esta loucura que a esquerda nos quer fazer. Nós somos a natureza, queremos salvar o PS, colocá-lo no ventre da mãe PAF. Ou muito me engano ou aqui anda gato escondido com o rabo de fora.

PS Um dos organizadores do cordão curto, estava nas redes sociais,durante a campanha eleitoral, a chamar ao PS, Partido da Bancarrota. Mais palavras para quê?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)





Comentários recentes

  • Partebilhas

    Gostei deste seu texto.Muito bem observado. Na rea...

  • Naçao Valente

    Que não seja uma roletae que haja muita alegriaum ...

  • poetazarolho

    Vem aí um ano novoVelho já no conteúdoPara ilusão ...

  • Kruzes Kanhoto

    Presidente da Republica é um cargo decorativo. Ser...

  • simplesmente avô

    Talvez seja preferível "cem anos de solidão" a cem...