Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Comentários recentes

  • Ametista

    Escapou-me dizer o quanto gostei do poema. Ternure...

  • Ametista

    Também tive muito gosto em visitá-lo... mas sabe q...

  • Naçao Valente

    Muito Obrigado. Desejo-lhe, em dobro, triplo...tud...

  • Ametista

    Passei para lhe deixar um abraço e o desejo de um ...

  • Partebilhas

    Gostei deste seu texto.Muito bem observado. Na rea...





Buracos negros

por Naçao Valente, em 12.02.16

Há cem anos Einstein falou de ondas gravitacionais como componente da teoria da relatividade. Hoje foi possível comprovar a sua existência. Einstein nasceu na Alemanha tal como o senhor Schbleau. É a única coisa que têm em comum. Um veio para esclarecer o outro para confundir. Quando Einstein apresentou a sua teoria ainda a alma mater da teoria da austeridade não tinha nascido. Mas nasceu para mal dos nossos pecados.E nasceu cresceu e transformou-se num buraco negro. Schauble atrai outros buracos negros que gravitam à sua volta como formigas obreiras. Quando estes buracos se juntam provocam ondas gravitacionais que, sinuosamente, interferem no nosso espaço tempo,perturbando o nosso campo gravitacional. Somos presa dessas ondas emitidas pelo buraco schauble, onde se acolhem os mercados, cujas ondas estão sempre disponíveis para nos ameaçar com a escuridão eterna. Mas o universo é uma realidade dinâmica onde interagem forças que nascem morrem e voltam a renascer. Temos de ter consciência que os buracos negros são nessa dinâmica apenas um ínfima componente e que o buraco Schauble acabará por se consumir na sua própria voragem. Outras ondas virão para repor a dignidade que este buraco nos roubou.

MG

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:15





Comentários recentes

  • Ametista

    Escapou-me dizer o quanto gostei do poema. Ternure...

  • Ametista

    Também tive muito gosto em visitá-lo... mas sabe q...

  • Naçao Valente

    Muito Obrigado. Desejo-lhe, em dobro, triplo...tud...

  • Ametista

    Passei para lhe deixar um abraço e o desejo de um ...

  • Partebilhas

    Gostei deste seu texto.Muito bem observado. Na rea...