Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Comentários recentes

  • Naçao Valente

    Terceira hipótese: primeiro sexo, depois sexo para...

  • Triptofano!

    Mas depois de tantos kms de caminhada quem é que a...

  • Naçao Valente

    Muito obrigado.Abraço

  • Ametista

    Gostei da nova cara do blog, tem um ar fresco. Sej...

  • Ametista

    Escapou-me dizer o quanto gostei do poema. Ternure...





A solidão de Marcelo

por Naçao Valente, em 10.12.15

Vai começar o calvário das sondagens. Vamos ficar a saber "antes do jogo quem vai ganhar". Mas pelo sim pelo não, há um grupo de resistentes que teima em ir votar, para alimentar as ditas sondagens.

De uma forma geral, na corrida a Belém, o professor Marcelo vai à frente. Numa delas até leva tal avanço, que é o anunciado vencedor. Pelos vistos, já pode encomendar a faixa e reservar o Marquês de Pombal.

Não sei porquê, mas não consigo acreditar neste resultado e não é apenas porque não o desejo. Por muitas virtudes que tenha o Professor e não nego que as tem, por muito tirocínio que tenha feito, nas prédicas televisivas, continuo a achá-lo um perdedor. Mais,acho que a derrota política é um Karma que o persegue. Talvez esteja a limpar alguma "besteira" de outra vida.

Seja o que for, é como aquele homem que esteve quase quase, ou aquele iogurte que só lhe falta um bocadinho. Quase foi Presidente de Câmara. Sampaio não deixou. Faltou-lhe um bocadinho para ser primeiro-ministro. Durão Barroso não deixou. Será desta que perde a mala-pata. Duvido. Pode acontecer ou não, mas como escreveu Gabriel Garcia Marques, as gerações amaldiçoadas, estão sujeitas a cem anos de solidão.

MG

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:52


3 comentários

Imagem de perfil

De poetazarolho a 10.12.2015 às 23:36

Cem anos de solidão
Abismo sentimental
Sejam agora ou não
Sendo apenas sinal

Cem anos de solidão
Entre o bem e o mal
Apenas um senão
O abismo é fatal

Cem anos de solidão
Entre supremo juízo
Cem anos de solidão

Não pagam o prejuízo
Cem anos de solidão
Acompanham um sorriso.
Imagem de perfil

De simplesmente avô a 11.12.2015 às 19:57


Talvez seja preferível "cem anos de solidão" a cem anos de "parlapié" bacoco.
Nada tenho contra o ilustre Comentador.
Mas - francamente - gostaria de ver outra personalidade à frente dos destinos desta nobilissima Nação.
Imagem de perfil

De Kruzes Kanhoto a 11.12.2015 às 21:13

Presidente da Republica é um cargo decorativo. Ser o Marcelo ou outro é irrelevante. Mal por mal antes o Vieira...

Comentar post





Comentários recentes

  • Naçao Valente

    Terceira hipótese: primeiro sexo, depois sexo para...

  • Triptofano!

    Mas depois de tantos kms de caminhada quem é que a...

  • Naçao Valente

    Muito obrigado.Abraço

  • Ametista

    Gostei da nova cara do blog, tem um ar fresco. Sej...

  • Ametista

    Escapou-me dizer o quanto gostei do poema. Ternure...